Boa Vida

Gloria Kalil fala sobre roupas e boas maneiras para o primeiro encontro

Primeiro encontro dá sempre aquele frio na barriga. O que de fato importa: a roupa ou as maneiras? Será que a moda pode derrubar uma conquista? Quem deve tomar a iniciativa para o convite? Qual o melhor programa?

As mulheres gostam de homens limpinhos, cheirosos e bem-educados - roupa é importante, mas não é fundamental. Já os homens, um belo corpinho vem antes da roupa, mas estética sem recheio não faz sucesso.

Ainda tem dúvidas? Listamos coisas que podem ajudar você a ter um primeiro e, melhor ainda, segundo encontro:

Meninas: fiquem atentas!
. Sim, é fato que eles olham o corpo primeiro.
. Acerte no tom da roupa: de dia, nada de brilhos excessivos, decotes exagerados, look muito fashion; à noite, deixe o tênis em casa.
. Para atrair: vestidos de alcinha, saias, sandálias de salto fino, cabelos soltos, pouca maquiagem e acessórios discretos.
. O que vai pegar péssimo: palavrões, muita maquiagem, beber muito, falar de assuntos ultrapessoais (detalhes de doenças recentes, alcoolismo do tio, fofocas sobre as amigas) e falar alto.
. Vai ajudar a ter um segundo encontro: delicadeza, elegância, boa conversa, bons modos, cultura... e o corpão.

Rapazes: fiquem atentos!

. Mulheres se importam com o todo: estilo + roupa + cabelo. Numa segunda olhada vem os interesses pelos detalhes: olhos, gestos...
. Proponha lugares, não espere que ela decida tudo. Elas adoram mordomia e a sensação de estar com um homem que sabe o que quer.  
. Não se vista como se tivesse acabado de sair de uma loja, mas faça parecer que se preparou para a ocasião.
. Vai de  terno? Bagunce um pouco o look; mulher tem bronca de roupas e cabelos impecáveis.
. Economize nas jóias: nada de correntes, anéis. No braço, só relógio, esqueça pulseiras.
. O que vai pegar péssimo: exibicionismo, roupa agarrada, camisa aberta ao peito, tratar mal o garçom, chegar para o encontro acompanhado de com um amigo e falar alto.
. Vai ajudar a ter um segundo encontro: ser bem educado, bem vestido, mas sem grandes produções, bom humor e não se afobar – nem para ficar, nem para fugir.

Para os dois:
. Nem homem, nem mulher gostam de se deparar com um depoimento muito forte de estilo num primeiro encontro
. Jantar é a situação preferida para um primeiro encontro para casais com mais de 25 anos. Quem tem menos, prefere um barzinho.
. Quem paga? Dividir conta é totalmente normal. Mas, é bacanérrimo se o homem puder pagar o primeiro encontro (fácil: só escolher um barzinho conhecido cuja conta caiba no seu bolso).
. Cinema é estratégico para descobrir se vocês têm afinidade.

Compartilhe este conteúdo

Enviar por E-mail